Hello, AMP world.
SOCIEDADE

PGR volta a desmentir a existência de processos contra ACJ

novembro 25, 2021 7:59 pm

Notícias de Angola – PGR volta a desmentir a existência de processos contra ACJ

Em entrevista exclusiva ao Portal “A DENÚNCIA”, o porta-voz da Procuradoria-Geral da República, Álvaro João, contactado para “desmistificar” contradições à volta da Comunicação Institucional da PGR, ligada à existência e não existência, em simultâneo, de um processo-crime em curso contra Adalberto Costa Júnior (ACJ), assegurou que a informação oficial da PGR é a de que o processo-crime aberto por Rui Galhardo Silva foi arquivado por insuficiência de provas e que não domina nenhuma informação contrária.

“Para todos os efeitos, mantenho aquilo que eu disse pela primeira vez. Não há nenhuma posição contrária relativamente àquilo que eu já afirmei a outros órgãos,” sublinhou o porta-voz da PGR.

Rui Silva, entretanto, esteve nessa sexta-feira, 19 de Novembro de 2021, na Procuradoria-Geral da República de Angola onde, ao falar à imprensa, disse ter recebido indicações de que a queixa-crime contra ACJ está a decorrer.

O antigo assessor para Projectos Económicos de Jonas Savimbi acredita mesmo que a Procuradoria-Geral da República de Angola tem todas as condições para acusar Adalberto Costa Júnior de tentativa de homicídio no Uíge, na medida em que a sua advogada Manuela Mendes, que o acompanhou, diz que existem elementos probatórios suficientes para responsabilizar criminalmente o “presidente anulado” Adalberto Costa Júnior.

Quanto a Júlio Bessa, circula nas Redes Sociais que foi exonerado do cargo de governador da Província do Cuando Cubango para ser investigado na PGR por tentar roubar mais de 600 milhões de dólares. Para esclarecer o assunto, o porta-voz da PGR desmentiu ao Portal “A DENÚNCIA” que não há nenhuma informação oficial que aponte que Júlio Bessa esteja a ser investigado, contrariando o que se diz nas redes sociais, muito menos contra José Martins, nomeado para o cargo de governador do Cuando Cubango no dia 23 deste mês pelo Presidente da República João Lourenço.

Álvaro João diz que tudo não passa de especulações e que os cidadãos devem guiar-se pelas informações oficiais. “Até aquele momento que nós fizemos sair aquele comunicado não havia nenhum processo contra Júlio Bessa na PGR. Não sei se a exoneração dele tem a ver com algum problema ou com conveniência política. Se houver alguma queixa ou denúncia, nós vamos dizer, mas por enquanto não há nenhum processo na PGR,” afirmou o porta-voz da PGR, Álvaro João, em entrevista exclusiva ao Portal “A DENÚNCIA.”

A DENÚNCIA

Share