Domingo, setembro 27, 2020

Família Dos Santos afastada da cena política angolana

Notícias de Angola – Família Dos Santos afastada da cena política angolana, diz analista

O processo disciplinar do Parlamento angolano contra Welwitschia “Tchizé” dos Santos vai resultar no afastamento total da família dos Santos da cena política angolana.

A leitura é de analistas angolanos.

O patriarca da família, o ex-Presidente José Eduardo dos Santos encontra-se há vários meses em Espanha sem indícios de querer regressar, o filho José Filomeno dos Santos deve começar a ser julgado no próximo mês e as filhas Isabel e Tchizé dos Santos também se auto-exilaram.

Apenas Paulino dos Santos (Coreon Du), empresário e músico, não parece ter problemas jurídicos ou políticos em território angolano.

O politólogo Rui Kandove considera que, embora afastada da política do MPLA, é possível que a família do ex-Presidente tente o regresso à politica sem ser através desse partido.

A Comissão de Mandatos, Ética e Decoro Parlamentar da Assembleia Nacional agendou, para o início do próximo mês de Setembro, uma audição sobre a ausência prolongada da deputada Welwitschia “Tchizé” dos Santos “Tchizé” nas reuniões plenárias e trabalhos do Parlamento.

O presidente da Comissão, Justino Pinto de Andrade, confirmou, ao Jornal de Angola, haver, internamente, um processo disciplinar contra “Tchizé” dos Santos, caso venha a ser expulsa, fica assim afastada na totalidade a família dos Santos na cena política angolana

“Claramente que ficará afastada na totalidade a família de José Eduardo dos Santos pelo menos no MPLA”, explicou o analista, para acrescentar, no entanto, não acreditar que a família dos Santos seja afastada sem qualquer resposta.

“Não acredito que Dos Santos, pelo investimento feito, deu toda sua vida à política, se retire assim sem dar ao menos uma `luta`, sem apresentar os seus argumentos”, disse.

“Se não for pelo MPLA vai ser por uma outra qualquer organização nem que seja no sentido de apoiar movimentações políticas e até candidatos que venham a surgir já agoira nas autarquias e quem sabe na constituição de um partido num futuro muito próximo”, concluiu o analista. VOA

Deixe o seu comentário

Postagens recentes

Siga-nos

Assine a nossa newsletter

Digite seu endereço de e-mail para se inscrever neste site e receber notificações de novos posts por e-mail.

%d bloggers like this: