Quarta-feira, agosto 12, 2020

O confinamento

Saiba – O confinamento

A pensar no impacto que o  Isolamento social tem para o indivíduo, podendo  levar ao desenvolvimento de uma série de sentimentos destrutivos e negativos sobre a própria pessoa o que pode desencadear um conjunto de doenças psicológicas como a ansiedade, depressão, Estresse.

Não querendo que de  maneira  alguma essa situação venha intervir na saúde mental e bem estar das pessoas sugerimos alguns pontos chaves da logo-terapia de viktor Frankl um homem psiquiatra que ficou preso no campo de guerra com outras pessoas, onde viveu os maiores horres da sua vida. Porém foi tão resiliente que por este motivo trouxemos os pontos chaves da sua teoria para que possas refletir sobre eles.

 

Estabeleça três metas para o confinamento

  1. Sobriver
  2. Aprender a fazer algo de útil neste sacrifício (isolamento )
  3. Ajudar com o teu conhecimento os teus companheiros de angústia

Não expire em momento algum o negativismo do isolamento, utilize a sua capacidade interior de transcender as piores fases  deste isolamento .

Transcenda

  1. Explora os teus sentimentos
  2. Explora a tua espiritualidade
  3. Trabalha naquilo que amas

“ aquele que tem um porquê para viver pode suportar quase qualquer como” Nietzche

Percebeu?

Quem tem uma motivo pra viver, aguenta qualquer dificuldade.

Busque a sua força para poder superar qualquer dificuldade ou preocupação.

Qual é a sua  força pra viver?

Encontre um sentido de vida, esse sentido ( motivo pelo qual tu vives) será a tua missão frente ao mundo ou a esta circunstância.

Nós  não  buscamos a felicidade, mas sim uma razão pra ser feliz.

Se te sentires satisfeito com a tua busca , não só estarás feliz como também te dará mais capacidade de enfrentar o sofrimento, quando uma pessoa está fortemente ligada aos seus objetivos sejam eles de curto ou longo prazo, ela caminha na realização destes objetivos ultrapassando qualquer  necessidade básica.

 

Algumas atividades pelas quais podes te espelhar.

Atividades de algumas pessoas no isolamento “anónimos”

Teletrabalho, trabalho doméstico , exercícios físicos, leitura e escrita”

“Nada de especial, tenho visto séries , cozinho, arrumo”

“Dormir, comer, ver tv, cozinhar, arrumar, fazer compras, teletrabalho”

“ Muitos planos foram desfeitos, mas estou arquitetar novos projetos”

“ Ficar em casa, cozinhar, arrumar, ensinar as filhas a escrever, ler e pintar, meditar na Bíblia , orar muito mais e dormir”

“Exercícios físicos, leitura, assistir alguns documentários investigativos”

“ Arrumar, cozinhar, lavar, e dar aula no meu filho”

“Nada de novo, vou ao trabalho apenas quando ligam”

“Estou a ler muito, já li três livros, estou aprender muito, acho que precisava disso me tornei um ser melhor, estou aprender a fazer bolos, e olha que eu sei cozinhar porém essa área estou a explorar mais, já me sinto especialista.”

“Tenho buscado mais a Deus e tento me conectar com ele,  através disso encontro a força e a esperança que preciso”

“Cozinhar, fazer exercícios físicos, falo mais com a minha família que está fora, tenho trabalhado em casa e quando necessário desloco-me à empresa para trabalhar, estou a ler um livro “Quem pensa enriquece “, tenho tido mais tempo para descansar e organizar às minhas coisas em casa, vejo filmes as vezes  e ontem comecei o meu curso de Marketing, negócios e vendas.  agora que tenho muito tempo livre achei uma boa ideia em apostar nisso. Sempre aprendo mais alguma coisa.”

 

Texto inspirado na  logo-terapia de Viktor frankl

Por: Ana Ferraz

Pojeto Partilhamos Conhecimentos

Abril, 2020

Luanda

Mais Vistas

Nenhum conteúdo disponível
x
%d bloggers like this: