Vagas do concurso público da educação são vendidas a 1 milhão de Kwanzas

Notícias de Angola – Vagas do concurso público da educação são vendidas a 1 milhão de Kwanzas

O Informativo Angolano soube que, as vagas para o concurso público da educação estão a ser vendidas ao preço de 1 milhão de kwanzas na província da Lunda Norte.

Candidatos ao concurso público da educação acusam a Direcção Municipal da Educação do Lucapa, província da Lunda-Norte, de vender as vagas do concurso público para estes verem as suas candidaturas aceites.

De acordo com denúncias chegadas ao Na Mira do Crime, as provas para a admissão do mesmo foram feitas no dia 15 do corrente mês e, as listas serão publicadas no dia 29 deste mês, mas ainda assim, há quem já se sente injustiçado de não ver o seu nome a ser exposto na lista como apto, por não submeter-se à tal ato da direcção, de pagar 500 mil kwanzas para ter uma vaga neste concurso.

Segundo confidenciou-nos uma candidata ao mesmo concurso cujo o nome não vamos revelar por questões de segurança, “para aqueles que têm idades superiores aos 35 anos, estão a ser cobrados 1 milhão de Kwanzas, por mais que façam a prova devidamente, é necessário pagar um valor para seres selecionado, conta.

O JorUnimundo conversou também com uma das vítimas e procurou saber como esta soube do esquema e esta disse que “Soube por intermédio de alguém que veio contactar-me a mim”. “As minhas amigas e ex colegas estão na mesma situação”.

Questionada sobre qual valor máximo e o valor mínimo a pagar, esta disse: “Conversei com um senhor de aproximadamente 46 anos, quando fez a sua inscrição a pessoa que o atendeu pediu lhe um montante de um milhão de kzs para uma vaga devido a sua idade, para nossa idade o montante à pagar é de 500 mil kz, afirmou.

A vítima sublinha ainda que: “conhece as tais pessoas e que por enquanto não pode dizer nada de quem se tratam, já o modo de pagamento é feito por cash, pelo que é dado 50% do valor antes dos resultados e os restantes 50% depois.

A vítima diz ainda que “conheço muitos que hoje são professores que pagaram para isso”, finalizou.

Procuramos saber se a direcção municipal da educação do Lucapa domina o assunto, mas entretanto não fomos recebidos.

O NMC sabe que foram disponibilizadas 489 vagas para a província da Lunda-Norte, no concurso público da educação 2019. O CRIME

%d bloggers like this: