Segunda-feira, setembro 28, 2020

“O medo dos migrantes nos deixa loucos” diz o papa Francisco

O Informativo Angolano soube que, papa Francisco sugeriu que a hostilidade contra os imigrantes fosse impulsionada pelo medo irracional quando iniciou uma viagem à América Central na quarta-feira em meio a um impasse sobre o muro prometido pelo presidente Donald Trump na fronteira com o México e uma nova caravana de migrantes rumo ao norte.

Papa Francisco

Francisco foi questionado por repórteres sobre a proposta de fronteira na quarta-feira no caminho para o Panamá, onde ele está tentando deixar os escândalos de abuso sexual fazendo com que seu papado ficasse para trás. Francis respondeu: “É o medo que nos deixa loucos”.

Primeiro papa latino-americano da Igreja Católica Romana e filho de imigrantes italianos na Argentina, Francisco transformou a situação de migrantes e refugiados em uma pedra fundamental de seu papado.

Ressaltando seu firme enfoque na questão, Francisco encontrou oito refugiados que moram em Roma antes de ir ao aeroporto para o voou de quarta-feira.

Espera-se também que ele ofereça palavras de encorajamento aos jovens reunidos no Panamá para a Jornada Mundial da Juventude, a reunião da Igreja que acontece a cada três anos e que visa revigorar a próxima geração de católicos em sua fé.

A viagem de Francisco, a primeira em um ano repleta de viagens ao exterior, chega em um momento crítico no papado, enquanto a hierarquia católica global enfrenta uma crise de credibilidade para encobrir décadas de casos de padres molestando jovens.



 

Deixe o seu comentário

Postagens recentes

Siga-nos

Assine a nossa newsletter

Digite seu endereço de e-mail para se inscrever neste site e receber notificações de novos posts por e-mail.

%d bloggers like this: