Estudantes da UCAN ganham estágios e orientação profissional | Informativo Angolano

Destaque – Estudantes da UCAN ganham estágios e orientação profissional

A Universidade Católica de Angola (UCAN) e a KPMG assinaram um acordo de cooperação que vai dar aos estudantes a oportunidade de realizarem estágios e orientação profissional, participação no prémio KPMG e em workshops, entre outros. A cooperação vai permitir que os profissionais da KPMG possam participar como professores convidados em disciplinas onde tenham experiência. Estes profissionais também vão participar em formações para executivos, realizadas pela universidade.

A KPMG vai oferecer anualmente estágios aos estudantes identificados pela Universidade Católica, dentro dos cursos de licenciatura e mestrado. A natureza dos estágios “será definida entre as partes, tendo em conta a estrutura curricular das licenciaturas e dos mestrados”. Posteriormente, vai ser definida a remuneração a atribuir aos estagiários, de acordo com a natureza do estágios, que poderão ser realizados na KPMG Angola ou na KPMG Portugal.

O acordo prevê que os estágios arranquem já a partir do ano lectivo 2022/23, que começa a 3 de Outubro e termina no dia 28 de Julho de 2023. As duas entidades vão ainda concretizar a realização de “workshops de interesse para a comunidade empresarial e o País, capitalizando o conhecimento e experiência de que ambas as instituições dispõem”.

A KPMG propõe a criação de um prémio para reconhecer a excelência dos estudantes que se destaquem durante a formação. O prémio vai ser atribuído anualmente aos três melhores estudantes dos cursos de Economia, Gestão, Direito e Engenharia Informática. O vencedor do prémio poderá beneficiar de um valor monetário, ainda não avançado, um estágio profissional em Angola ou Portugal com a duração de até três meses e a possibilidade de ser integrado nos quadros da KPMG Angola.

Os docentes da universidade poderão ser convidados pela KPMG para colaborarem em projectos de prestação de serviços, como auditorias, consultoria de gestão, consultoria de negócios, consultoria de tecnologia, marketing, recursos humanos, entre outros serviços prestados pelas KPMG. O protocolo entre as duas instituições é celebrado pelo prazo de três anos renováveis.

De acordo com a reitora da universidade, Maria da Assunção, este protocolo representa um passo importante na relação que a Universidade Católica de Angola vem construindo com o mercado, particularmente, com as empresas. “Com este acordo, acreditamos no valor resultante de uma aproximação entre a dimensão académica, na geração do conhecimento, e da perspectiva prática da actividade profissional de auditoria e consultoria que a KPMG oferece. Por conseguinte, consideramos que esta parceria, quer através da formação executiva, workshops, estágios, de recrutamento e do prémio KPMG, contribuirá significativamente para aquisição e o desenvolvimento de competência técnicas por parte dos estudantes, sendo a condição indispensável, para uma bem-sucedida inserção no mercado de trabalho”, refere.

Para a Inês Filipe, PCA da KPMG Angola, que falava no acto da assinatura dos acordos, esta cooperação só serve para formalizar outras dimensões do que tem sido a interacção da KPMG com a universidade. “Em todos os anos, os colaboradores novos que entram na KPMG Angola têm origem na UCAN, o que tem servido como testemunho da qualidade dos estudantes da academia que estão dar os seus primeiros passos no mundo do trabalho”.

Fonte: Expansão

Leave A Reply

Exit mobile version