Donald Trump confirma morte do filho de Osama bin Laden

Mundo – Donald Trump confirma morte do filho de Osama bin Laden

Donald Trump confirmou, este sábado, a morte do filho de Osama bin Laden, Hamza, filho e herdeiro de Osama bin Laden. O homem, com cerca de 30 anos, perdeu a vida numa “operação de contraterrorismo levada a cabo pelos Estados Unidos na região do Afeganistão/Paquistão”, detalhou em comunicado a Casa Branca.

“A perda de Hamza bin Laden não só priva a  Al-Qaeda de importantes capacidades de liderança e da ligação simbólica com o seu pai, como minimiza atividades operacionais do grupo”, é ainda revelado, cita a CNN.

Hamza bin Laden é responsável por planear e lidar com vários grupos terroristas”, acrescenta-se.

O presidente dos Estados Unidos não revelou quando a operação ocorreu.

Mark Esper, secretário da Defesa, já tinha confirmado a morte de Hamza no passado mês de agosto. Os media norte-americanos já tinham avançado com a notícia no final de julho.

Considerado o filho preferido – até mesmo o sucessor designado – de Osama bin Laden, o fundador da rede na origem dos atentados de 11 de setembro de 2001, o jovem com cerca de 30 anos integrava a lista negra norte-americana dos acusados de “terrorismo”.

Washington tinha oferecido em fevereiro uma recompensa que podia ir até ao milhão de dólares (cerca de 900 mil euros) por qualquer informação que permitisse encontrá-lo.

Hamza bin Laden, frequentemente considerado o “príncipe herdeiro da ‘jihad’ (guerra santa)”, era o 15.º dos 20 filhos de Osama.

C/ NM

%d bloggers like this:
Optimized with PageSpeed Ninja