Quinta-feira, outubro 1, 2020

Zenú e Augusto Tomás : retirados os direitos a telefones e Tv Privado

Através do Porta-Voz dos serviços Prisionais, o Informativo Angolano soube que, dos 24 mil reclusos controlados pelo sistema penitenciário, ninguém tem recebido tratamento diferente, ao passo que foram retirados os direitos a telefones e Tv privado a Zenú e Augusto Tomás

Menezes Cassoma, Porta-voz dos Serviços Prisionais, em entrevista ao Correio da Kianda, desmente informações postas a circular nas redes sociais, e veiculadas por alguns orgãos de comunicação social, sob os quais, ex-Gestores Públicos que se encontram detidos na cadeia de São Paulo, estariam a ter tratamentos privilegiados.

Sem mencionar nomes, Menezes Cassoma, diz não corresponder a verdades, e afirma que todos os reclusos a nível nacional, tem tido o mesmo tratamento.

“Todos os presos a nível dos 40 estabelecimentos penitenciários do País, têm direito a informação e este direito a informação passa a terem uma televisão que é comum, a terem um rádio que de igual modo é comum, não existem meios privados a nível dos estabelecimentos. Disse Menezes Cassoma!

Retirados os direitos a telefones e tv privado

De recordar, que Para além do ex-ministro dos Transportes Augusto Tomás e José Filomeno dos Santos, encontram-se detidos no Hospital Prisão de São Paulo, o director-geral do Conselho Nacional de Carregadores (CNC), Manuel António Paulo, e seu adjunto, Rui Moita, entre outros, e junta-se também Joaquim Sebastião, antigo Director do Instituto Nacional de Estradas de Angola que já se encontra naquela unidade prisional.

Notícia de Angola podes ler também:

 

Fonte: Correio Kianda

Deixe o seu comentário

Postagens recentes

Siga-nos

Assine a nossa newsletter

Digite seu endereço de e-mail para se inscrever neste site e receber notificações de novos posts por e-mail.

let's talk!

%d bloggers like this: