Domingo, setembro 27, 2020

Presidente do Burundi morre de ataque cardíaco aos 55 anos

África – Presidente do Burundi morre de ataque cardíaco aos 55 anos

O Presidente do Burundi, Pierre Nkurunziza, morreu vítima de um ataque de ataque cardíaco aos 55 anos, anunciou o Governo.

Nkurunziza tinha sido hospitalizado em Karusi na segunda-feira depois de sentir mal. No poder desde 2005, ia ser substituído em Agosto por um aliado político, Evariste Ndayishimiye, que no início deste mês foi declarado vencedor das eleições presidenciais de 20 de Maio.

Nesse dia, pela primeira vez em quase 30 anos, os eleitores foram às urnas em eleições com vários candidatos e sem o boicote em peso da oposição ao partido no poder, acusado de repressão à oposição.

Mas os confrontos que marcaram a campanha eleitoral, antes da votação, e a despreocupação das autoridades em relação à pandemia do novo coronavírus, fizeram temer o aumento da violência num país que esteve mergulhado numa guerra civil entre 1993 e 2005.

A decisão Nkurunziza de se recandidatar, em 2015, a um terceiro mandato de cinco anos apesar de a Constituição permitir apenas dois mandatos, deu origem a uma nova onda de violência e perseguições que foi aproveitada pelo partido no poder, o CNDD-FDD, para reforçar o seu controlo sobre as instituições do país.

A Constituição foi entretanto mudada para permitir mais mandatos – e tinha o título de “guia supremo eterno”.

Deixe o seu comentário

Postagens recentes

Siga-nos

Assine a nossa newsletter

Digite seu endereço de e-mail para se inscrever neste site e receber notificações de novos posts por e-mail.

%d bloggers like this: