João Pinto contra suspensão de Tchizé dos Santos

João Pinto contra suspensão de Tchizé dos Santos

O Informativo Angolano soube que, o vice-presidente do Grupo Parlamentar do MPLA, João Pinto manifestou-se contra a decisão do Comité Central do seu partido, que aprovou nesta sexta-feira (7), a suspensão deste órgão da deputada Tchizé dos Santos.

João Pinto contra suspensão de Tchizé dos Santos

No decorrer da 5ª Sessão Extraordinária do Comité Central, João Pinto que foi o único a abster-se do acto de votação contra a sua colega, argumentou que não era oportuno a suspensão de membros do Comité Central antes da realização do congresso, marcado para o próximo dia 15 de Junho.

Por sua vez, a Comissões de Disciplina e Auditoria (CDA), que levou o assunto a mesa, alegou que tem estado, desde fevereiro, a tentar comunicar-se com a deputada para ser ouvida mas sem sucesso. A CDA representada por Ana Paula Inês Ndala Fernando, revelou que ao chegarem na quinta convocatória decidiram levar o assunto da suspensão a esta reunião do Comité Central para aprovação. No entendimento dos responsáveis da CDA, a Welwitschea José dos Santos terá ignorado às suas convocatórias, uma vez que eles recorreram ao deputado João Pinto para que mediasse nas comunicações.

Dentre os participantes da reunião quem pediu a palavra para apoiar a proposta da Comissões de Disciplina e Auditoria (CDA), foi o antigo Vice-Presidente do MPLA, Roberto de Almeida, secundado pela Secretaria geral da OMA, Luzia Inglês e por Anabela Alberto dos Santos Dinis, ex-deputada e antiga secretaria provincial da JMPLA. A ministra da hotelaria Maria Ângela Teixeira de Alva Sequeira Bragança fez o mesmo apresentando uma exposição a volta da suspensão da filha do antigo líder José Eduardo dos Santos.

Contrariando tudo e todos, o antigo embaixador angolano na Alemanha, Alberto Correia Neto pediu também a palavra, não para apoiar suspensão mas para pedir a expulsão de Tchizé dos Santos, das fileiras do partido que sustenta o governo em Angola. Os militantes rejeitaram categoricamente a proposta do também general na reforma.

Por fim, a reunião aprovou a instauração de um processo disciplinar e a aplicação da medida de suspensão da qualidade de membro do Comité Central, de acordo com o Artigo 35.º dos Estatutos do MPLA, a deputada Welwitschea José dos Santos, por alegada “conduta que atenta contra as regras de disciplina à luz dos Estatutos e do Código de Ética Partidária.”

Conteúdo Relacionado:

MPLA suspende Tchizé dos Santos do Comité Central e aplica processo disciplinar

Durante os últimos meses, Tchizé dos Santos fez pronunciamento nas redes socias indicando disponibilidade para contestar a legalidade da realização do VII Congresso Extraordinário do partido marcado para 15 de Junho. Agora, na condição de suspensa, a deputada, segundo apurou o Club-K, fica impedida de participar no conclave que vai reafirmar a liderança e a estratégia do Presidente João Lourenço.

Fonte: Club-K

%d bloggers like this: