Quinta-feira, outubro 29, 2020

Genebra aprova salário mínimo mais alto do mundo

Mundo – Genebra aprova salário mínimo mais alto do mundo

Os habitantes de Genebra, Suíça, aprovaram, no domingo, a proposta de um salário mínimo de 23 francos suíços por hora (cerca de 21,30 euros) para todos os que trabalham na cidade. O salário mínimo mensal será de 4.086 francos suíços, equivalente a cerca de 3.800 euros e em moeda nacional aproximadamente 3 milhões de kwanzas.
O valor constitui o salário mínimo mais alto do mundo, de acordo com o La Vanguardia. A medida entrará em vigor já em meados de Outubro. Mas se está a pensar mudar-se para a Suíça, devemos avisá-lo que Genebra é uma das cidades mais caras do mundo.
Arrendar uma casa com duas assoalhadas pode custar uma renda de quase 3 mil francos suíços (ou seja quase 2.778 euros) e um simples café custa entre quatro e cinco francos suíços (3,70 a 4,63 euros).
A votação teve contratempos no passado. Em 2014, os eleitores votaram contra a introdução de um salário mínimo. Houve três tentativas em Genebra para que finalmente fosse aprovado com 58% dos votos que representam cerca de 500.000 eleitores, de acordo com os resultados oficiais publicados no domingo.
Os partidos de esquerda e os sindicatos defenderam a medida como uma forma de combater a pobreza e a precariedade, num momento em que a pandemia afetou fortemente a economia de uma cidade que depende muito do turismo, viagens de negócios e das idas e vindas de milhares de diplomatas, especialistas e outros funcionários que visitam as muitas agências da ONU baseadas no cantão.
É cada vez mais comum surgirem relatos de uma pobreza visível, escreve o jornal. Há longas filas de necessitados à espera de receber bens alimentares. Atualmente, cerca de 17.000 trabalhadores são pagos abaixo desse salário mínimo, de acordo com vários sindicatos, afirmando que dois em cada três são mulheres.

Deixe o seu comentário

Postagens recentes

Siga-nos

Assine a nossa newsletter

Digite seu endereço de e-mail para se inscrever neste site e receber notificações de novos posts por e-mail.

let's talk!

%d bloggers like this: