Dólar “dispara” na rua depois de fim do limite de variação imposto pelo BNA

Notícias de Angola – Dólar “dispara” na rua depois de fim do limite de variação imposto pelo BNA

O banco Nacional de Angola (BNA) deixou de impor o limite de uma variação máxima de 2% nos leilões de divisas que realiza diariamente, permitindo assim que a moeda nacional oscilasse livremente, segundo o regulador financeiro.

De acordo com a agência de informação financeira Bloomberg, a regra que limita a variação no valor do kwanza a 2% foi introduzida em 2018, e desde Setembro que essa limitação foi levantada, o que, na prática, permitiu que a moeda nacional oscilasse mais livremente nos leilões de divisas a que os bancos concorrem.

“A informação é correcta”, respondeu o porta-voz do banco, quando questionado pela Bloomberg sobre se a limitação, o que acelerou a desvalorização do kwanza.

Enquanto isso, na rua, o dólar já é trocado por 620 kwanzas e o euro por 600 kwanzas, os valores mais altos de sempre registados no câmbio paralelo, desde que há registo no país.

O economista, Mondlane Patrício da Cruz diz que impõe-se uma urgente “redução do gap entre o mercado paralelo e o oficial que se encontra em cerca de 17% para reduzir a pressão sobre o BNA permitindo assim o acesso a divisas para todos os mercados sem distinção de taxas. É preciso proteger e preservar as Reservas Internacionais Liquidas”, enfatiza.

Especialistas acreditam que a reunião do Comité de Politica Monetária convocada de forma extraordinária para esta Quarta-feira, 23, debruçar-se-á sobre o tema, podendo vir a tomar medidas correctivas. OPAIS

%d bloggers like this:
Optimized with PageSpeed Ninja