FAF confirma descida do Kabuscorp para 2ª divisão

Última Hora – FAF confirma descida do Kabuscorp para 2ª divisão

O Informativo Angolano soube que, a equipa do Kabuscorp do Palanca, quarta classificada do Girabola 2018/19, foi relegada hoje para a segunda divisão, depois para o Provincial de Futebol de Luanda, apesar de a Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA) ter confirmado o pagamento da última tranche da dívida com o antigo futebolista brasileiro, Rivaldo.

FAF confirma descida do Kabuscorp para 2ª divisão

De acordo com a orientação da FIFA, o clube liderado por Bento Kangamba violou os prazos acordados, daí a razão da desqualificação da maior festa futebolística do país. Dos 500 mil dólares negociados, a formação do bairro Palanca pagou em três prestações, sendo 300 mil na primeira tranche,70 mil na segunda e 89.700 mil euros na terceira, faltando 30 mil dólares para cumprir a totalidade de pagamento.

Por incumprimento contratuais com jogadores e treinadores, o órgão reitor do futebol mundial orientou a direcção da FAF a despromover o grémio do Palanca, por não ser a primeira situação do género. Antes tinha sucedido com o congolês democrata, Trésor Mputu Mabi. Na época futebolística de 2012, o ex-campeão e melhor jogador do Mundo representou as cores do Kabuscorp do Palanca, para no ano seguinte a equipa conquistar o título inédito do Girabola, sob a batuta técnica do búlgaro Edouard Antranik.

Conteúdo Relacionado:

Kabuscorp envia à FIFA comprovativo de pagamento à Rivaldo

Bento Kangamba tranquiliza adeptos do Kabuscorp do Palanca

Em declarações ao Jornal de Angola, José Carlos, presidente do Conselho de Disciplina da Federação Angolana de Futebol (FAF), confirmou a despromoção do Kabuscorp do Palanca.”A descida é um facto. O Kabuscorp não cumpriu com os prazos estipulados pela FIFA em relação ao pagamento da dívida com Rivaldo. Portanto, são duas sanções.

Descida à II Divisão e Provincial de Luanda. É uma situação bastante lamentável”, disse o dirigente desportivo.
Esta é a segunda despromoção do Kabuscorp, depois de já ter acontecido em 1998, pelo facto de os jogadores terem faltado ao último jogo do campeonato diante da Académica do Lobito, em Luanda, por incumprimentos contratuais.

Com a descida do Kabuscorp, o Cuando Cubango FC, 14º colocado do Girabola com 26 pontos, mantém-se na competição.

%d bloggers like this: