Samakuva nega ser candidato à presidência da UNITA, mas admite concorrer a Presidência da Republica em 2022

Notícias de Angola – Samakuva nega ser candidato à presidência da UNITA, mas admite concorrer a Presidência da Republica em 2022

O Informativo Angolano soube que, o presidente da UNITA, Isaías Samakuva, diz que notícia de que pretende concorrer a novo mandato na presidência do partido é falsa, mas se mudarem os estatutos pode enfrentar João Lourenço nas próximas eleições.

Isaías Samakuva admite voltar a ser candidato às eleições em 2022, se os estatutos da UNITA forem alterados no XIII Congresso Ordinário do partido, que se realiza de 13 a 15 de Novembro, permitindo a realização de um congresso extraordinário para a escolha do candidato do partido à Presidência da República.

O político desmente que esteja a pensar recandidatar-se a novo mandato à frente da UNITA, mas num cenário de mudança de estatutos, consideraria a possibilidade de voltar a ser candidato presidencial do partido do Galo Negro: “Não fecho a porta a essa possibilidade. Na política aprendi que nunca se deve dizer nunca”, disse Samakuva em conversa telefónica com o jornal português “PÚBLICO”.

Garantindo que “é falsa, completamente falsa” a notícia do Jornal de Angola, manchete na edição de terça-feira do diário público angolano, de que pretende recandidatar-se a novo mandato de quatro anos à frente do partido, Samakuva, de 73 anos, dá sinais de que ainda não considera a sua carreira política acabada.

O XIII Congresso Ordinário da UNITA , prevê a revisão dos estatutos, e a escolha do novo líder do partido. Mas ainda não há candidatos, apenas manifestações de intenção; o prazo para formalizar as candidaturas decorre de 16 a 30 de Setembro.

%d bloggers like this: